Roça 40°

Nunca antes na história desse país a roça esteve tão quente. Morro um pouco a cada dia e, às vezes, acho mesmo que eu sinto mais calor que todo mundo. Minha mãe acha que é culpa das mini-bombas diárias de hormônio, mas a verdade é que o aquecimento global chegou na roça. Veio a cavalo.

Se de calor eu morrer, mantenho minha promessa: deixo como herança meus dois blogs pra Suzana.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s